devoy, editora modo, intueri, kassan, lançamento, lap, p, paula vendramini, promoção, série

Intueri – encomendas

Começou a temporada de encomendas de Intueri, livro 2 da Série Devoy!

Kassan + marcadores

R$25,00 (com frete grátis)

Intueri + marcadores

R$ 35,00 (com frete grátis)

Kassan + Intueri + marcadores

R$ 55,00 (com frete grátis)

100_3819

devoy, editora modo, intueri, lap, p, paula vendramini, série

Feliz 2013 e uma surpresa aos leitores!

Nesse ano que passou, obtive muitas conquistas! Publiquei Kassan, participei de muitos eventos, conheci muita gente nova e recebi resenhas fantásticas sobre meu livro, o que só me fez criar mais dedicação a essa série! Eu espero que 2013 seja cheio de luz e sucesso a todos vocês e que a Série Devoy continue a crescer e se expandir!!!

postface
E para comemorar esse novo ano, deixo um gostinho de uma cena do livro 2 da série, chamado de Intueri… Aproveitem!!! =D

Vandreisen estava no centro da clareira com muitas pessoas em sua volta. Quando se aproximou, viu que ele explicava algo e que Ulisses estava de pé ao seu lado, parecendo um pouco irritado. Vários adolescentes, inclusive Ário, estavam ali, a maioria prestando absoluta atenção no que o homem dizia, enquanto alguns o encaravam com tédio. Era a primeira vez que via ele assim, lecionando. Provavelmente era um treino e, curiosa, aproximou-se. Quando se sentou para prestar atenção no que ele falava, os dois homens começaram a lutar.
Ulisses até tentava se esquivar dos golpes rápidos e intuitivos de Vandreisen, mas o homem era muito mais forte e experiente do que ele. Seus movimentos eram leves e ao mesmo tempo carregava um tom de ironia, o que fez o peito dela arder de raiva. Percebeu que Vandreisen estava lutando com Ulisses com intenção de humilhá-lo publicamente. Ele não gostava de ninguém, isso era um fato, mas aquilo era realmente necessário? Toda aquela humilhação? Sem contar que aquela sensação que tinha por Ulisses a fazia sentir uma obrigação urgente de salvá-lo.
Assim que Vandreisen derrotou Ulisses pela décima vez, ouviu-o perguntando se mais alguém gostaria de lutar contra ele. Sem pensar duas vezes, levantou-se, andando na direção do centro da clareira. Ulisses a encarou surpreso, mas desviou o olhar e encarou Vandreisen. Seus olhos não se desgrudavam, e, naquele instante, sentiu-se poderosa. Alguma coisa dentro dela era capaz de derrotá-lo, e seu corpo pareceu confirmar aquilo como uma onda gigante de raiva.
E, de repente, Vandreisen começou a andar na direção dela e Celebriant fechou os olhos. Pôde ver toda a clareira de uma forma diferente, algo como uma fumaça branca e cada pessoa como um ponto colorido e borrado no meio dela. Concentrou-se no ponto esverdeado que reconheceu como sendo seu oponente, viu que ele vinha rapidamente em sua direção e desviou-se. Não sabia como lutar, pois não se lembrava de ter lutado algum dia, mas seu corpo parecia saber. Cada golpe que ele mandava conseguia desviar, assim como os ataques físicos, que seu corpo se defendia e atacava com a destreza que deveria ter.
(…)
Sentiu que Vandreisen se aproximava e abriu os olhos. Algo como uma linha de vento vinha em sua direção e ela levantou os braços em forma de cruz, sentindo que algo deveria acontecer, mas nada aconteceu. O golpe acertou-a em cheio na barriga e voou alguns metros longe, caindo no chão de terra.
(…)
Viu uma mão esticar-se por cima dela, oferecendo-lhe ajuda, e surpreendeu-se ao ver que era a mão de Vandreisen.
– Me perrdoe, senhorrita, nom querria machucá-la.
Atrás dele viu que Ulisses se aproximava, sem saber que reação ter. Não querendo parecer antipática, aceitou a mão do homem e levantou-se, limpando suas roupas sujas de terra. Encarou Vandreisen, que parecia sentir-se orgulhoso por tê-la derrotado, mas ao mesmo tempo irritado e confuso.
– Da próxima vez não deixarei que me machuque. – respondeu, sorrindo com cinismo.

Um bom ano a todos!!! =D

devoy, editora modo, kassan, lap, paula vendramini, série

Quote de Kassan e evento do dia 17/11!

Conheçam o quote de Kassan, feito por Yuri Amaral, que se tudo der certo, fará as ilustrações de Devoy!!! *__*

Outra novidade é que dia 17/11 eu participei de um bate papo com um grupo de escritores de Curitiba, organizado pelo Pausa para um Café e Livraria Cultura! Estavam presentes Anna Schermak do blog Pausa para um café e os autores: Gustavo Norris e Gustavo Brasman (Os Senhores do Castelo), Francine Cruz (Amor, Maybe), Simone Marques (Agridoce, Paganus e Os Deuses do Mar) e Tâni Falabello (Rosa Imortal)! Foi muito bom estar lá com todos esses autores maravilhosos e a conversa foi muito produtiva!!

Beijos a todos!!! E obrigada a quem foi no evento pelo carinho!

devoy, editora modo, kassan, lançamento, lap, p, paula vendramini, série

Nós em Foz e Toledo

Desculpe não ter atualizado tanto meu pequeno blog, mas depois da minha viagem de férias, tive o imenso prazer de ver Devoy crescendo e crescendo! E, como sempre, menos tempo para colocar as coisas por aqui xD MAS temos várias novidades, então vamos por em ordem:

– Tem resenha nova do Book Tour de Kassan feita pela Fabiola Borges! Não deixe de ler!

– Outra novidade demais é que o mundo de Devoy vai ganhar um mapa! É isso mesmo! \o/ Portanto aguardem maiores informações!

– Como citado no título do post, eu e a Lhaisa Andria fizemos uma noite de autógrafos em Foz do Iguaçu dia 11/07 nas Livrarias Nobel! ^^ Estava tudo muuuito lindo e divertido! =D

 

– Depois disso fomos para Toledo, fazer uma manhã de autógrafos na Biblioteca Municipal de Toledo e, como disse a Lhaisa: “Paula Vendramini e eu (Lhaisa xD) estivemos em Toledo e conversamos muito sobre Literatura Fantástica com um público bem variado: desde pessoas que não conheciam esse tipo de leitura até com pessoas que pretendem escrever também. É tudo de bom poder falar sobre nossas histórias, sobre os mundos e personagens que criamos. Mas, é ainda melhor poder fazer essa mágica de alguém se interessar por uma nova leitura, mesmo que não seja o seu estilo, porque nos ouviu falando sobre ela e sobre a nossa trajetória como escritoras”.

 

– Também saímos nos jornais de lá! =D

 

– Além de tudo isso (sim, ainda tem mais xD), eu fiz duas entrevistas na TV: uma na TV Tarobá no programa Vitrine Revista (clique aqui para ver a entrevista) e outra na RIC TV no programa Ver Mais (ainda sem link disponível para visualização!)!

– Kassan também está participando da promoção no blog Way to Happiness, portanto clique aqui para participar da promoção que sorteará 14 livros nacionais da Editora MODO!

Bom, só tenho a agradecer! E que venham mais novidades! 😉

devoy, kassan, lap, p, paula vendramini, série

Nova resenha de Devoy!

Olha gente, mais uma resenha de Devoy!

Devoy: Kassan Livro 1

Em um mundo onde os indivíduos são divididos em classes sociais de acordo com os poderes que desenvolvem, Celebriant Devoy tinha tudo. Possuidora de não um, mas dois poderes principais, incluindo o destrutivo Kassan, ela chama a atenção de pessoas poderosas e atrai ainda mais prestígio a sua família. Este é o ponto de partida de Devoy: Kassan,  livro de estréia da escritora Paula Vendramini, lançado em abril pela Modo Editora.

Não tenho o hábito de escrever resenhas, então tenham paciência comigo. Em geral são coisas diferentes que eu penso quando pego um livros em mãos. Não costumo julgar a história pela capa, mas se nós considerarmos a leitura como uma experiência, não hácomo não considerar certas coisas. A primeira dela, claro, é apresentação, já que um livro mal impresso pode estragar a experiência, mesmo que a história seja fantástica.
A capa é interessante, mas discreta. Gostei do detalhe das escamas da cobra na contracapa. Com tantas referências à cobra na arte do livro, fiquei esperando encontrá-la na história, mas logo descobri que a serpente era metafórica.
Adorei o projeto gráfico do livro. Deixou a leitura muito agradável e rápida. Terminei no dia seguinte ao que comecei. E foi aí que eu fiquei surpresa com a qualidade da encadernação. Eu sou gato escaldado com livros que se desmancham quando se lê. Minha surpresa, levantando os polegares para a Modo, é que eu terminei de ler o livro e ele continuava parecendo intocado. Normalmente, eu costumo notar que com algumas editoras o livro realmente apresenta que foi lido, lombadas ficam marcadas e páginas ficam mais separadas. Este é um livro curto, 177 páginas, então é mais fácil de a lombada não ficar marcada, mas eu esperava pelo menos uma marca quando eu chegasse no meio da história. Nada disso. Se eu quisesse revender esse livro agora, poderia vendê-lo como se fosse novo.
Bom, mas chega de falar dos aspectos físicos do livro. Quem comprar vai entender do que eu estou falando. Vamos ao conteúdo.
Peço desculpas agora a quem estiver esperando uma resenha dizendo “Gostei de tal coisa e não gostei de tal coisa”, ou “isso é suuuuper”. Eu não funciono assim. Eu gosto da experiência da leitura, sentir o cheiro do livro e analisar a história. Só que a minha análise é diferente. Vocês vão entender.
Quando eu estava falando do projeto gráfico e das cobras, eu mencionei que a serpenteé uma metáfora. É uma metáfora para o Kassan, que Celebriant sente como sendo uma serpente percorrendo-lhe os braços ao usar tal poder, até chegar ao ponto em que o poder se torna para ela reais serpentes de fogo. Acho interessante a referência a estes répteis, especialmente porque transmite a sensação de algo não apenas difícil de ser controlado, mas também a natureza traiçoeira atribuída a eles. Dizem que o poder corrompe e Celebriant quase se perde para ele.
A trajetória de Celebriant é sobre crescer. De filha relegada, ela passa ao centro das atenções quando seu poder se desenvolve. Isso gera ciúmes por parte de uma das irmãs e Celebriant não consegue lidar exatamente com isso. Por um lado, ela tem o que sempre quis, que é a atenção de seus pais. Por outro, essa atenção se volta contra ela. Existe um claro dilema que Celebriant deve enfrentar no decorrer da história, que ébasicamente a luta entre o bem e o mal dentro dela própria, a indecisão entre honrar sua família ou a sua consciência.
Devoy é uma narrativa centrada em seus personagens. É uma leitura leve e prazerosa. Celebriant inspira empatia ao leitor e é satisfatório acompanhar seu crescimento. Éfácil se identificar com a personagem e entender suas ações e reações.
É uma leitura que de deixa com um gostinho de quero mais e esperando pela sequência. Eu recomendo!
E se você quiser comprar, clique aqui.
devoy, editora modo, kassan, lançamento, lap, p, paula vendramini, série

Kassan lançado!

E finalmente, depois de muito suor e trabalho, Kassan foi lançado na 1ª Odisseia de Literatura Fantástica em Porto Alegre!

O evento foi fantástico e, mais fantástico ainda, foi dividi-lo com tantos autores maravilhosos!!!

Estou muito feliz pessoas!!!

\o/

devoy, editora modo, kassan, lap, p, paula vendramini, promoção, série

Promoção Kit Devoy!!!!